20 dicas de marketing para empresas e profissionais da saúde

A grande quantidade de clínicas, consultórios e profissionais bem qualificados faz com que cada vez mais seja necessário que profissionais da saúde conheçam e entendam de marketing e comunicação para se destacarem e conquistarem mais pacientes.

 

“O marketing é uma atividade empresarial que contempla as diferentes áreas de um negócio. É muito importante que os profissionais da saúde encarem o seu trabalho como um negócio. Independente se você possui um consultório pequeno, uma clínica com maior estrutura, ou atue em clínicas de terceiros, a sua carreira é um negócio que deve ser administrado para ter sucesso.

 

A preocupação com o atendimento ao paciente, a forma de divulgar o seu trabalho, clínica ou consultório, por exemplo, devem fazer parte do seu dia a dia e serem pensadas e planejadas de forma estratégica. E tudo isso é marketing. 

 

Neste artigo vamos compartilhar 20 dicas de marketing pensadas exclusivamente para profissionais da da área da saúde.

Se você tem uma clínica ou consultório, comece agora a implementar estas ideias e tenha mais resultado na sua carreira!

 


 

DICA 1: Encare o seu consultório como um negócio.

Independente se você tem um consultório, clínica ou atua como profissional autônomo, você tem um negócio para gerenciar. E todo o negócio precisa ser administrado e pensado para gerar lucros.

Para alcançar este resultado é preciso de PLANEJAMENTO.

  1. Entender quem é o público do consultório, quem você deseja que seja o público do consultório, quais os serviços mais rentáveis, como está a comunicação, etc.
  2. A partir disso é pensar no futuro, nos resultados. É preciso PLANEJAR: traçar objetivos, pensar em estratégias, investir e mensurar os resultados.

Tenha em mente que isto também faz parte do seu trabalho, e contribui diretamente para o sucesso da sua clínica.

 

DICA 2: Reserve um tempo da sua agenda para gerenciar a sua clínica.

Reserve um tempo da sua semana, um horário fixo semanal na sua agenda, para tratar dos assuntos administrativos do seu consultório: finanças, marketing, equipe, comunicação, etc. Tenha uma rotina de atividades administrativas, faça um plano de ação.

 

É o seu negócio, e ninguém melhor que você para cuidar e gerenciar todos os detalhes da sua clínica.

 

Mesmo com o apoio de outros profissionais, você precisa estar constantemente gerenciando e acompanhando que acontece com a sua clínica.

 

DICA 3: Conheça o perfil do seu público-alvo (pacientes)

Você conhece bem o perfil do seu paciente? Este paciente tem o mesmo perfil do público que você deseja atingir (público-alvo). Quem são pacientes mais assíduos? O que eles têm em comum? Quais as principais características?

 

Conhecer e entender o seu público-alvo é fundamental para formular estratégias de marketing mais assertivas.

 

Faça uma pesquisa informal: converse com os seus pacientes e busque informações das suas preferências.

A partir disso será mais fácil saber como atrair este perfil de cliente, como e onde divulgar seus materiais de comunicação, qual o tipo de linguagem usar, etc.

 

DICA 4: Faça um “diagnóstico” da sua comunicação

Faça uma análise da divulgação do seu consultório. Você tem uma marca, um logotipo, que transmite os valores da sua especialidade e do seu serviço? Como os seus pacientes entram em contato com você? Como descobrem o seu serviço? Você possui um site bem formulado? Os seus materiais são profissionais e de qualidade? Como você se relaciona com o seu paciente?

 

É importante ter uma percepção da apresentação da sua clínica como um todo. De como está a divulgação do seu trabalho, se transmite aquilo que você deseja, etc. Muitas vezes o sucesso da sua clínica pode estar atrelado em como as pessoas vêem o seu trabalho, na forma que ele é divulgado.

 

Que tal fazer uma pesquisa com algumas pessoas que tenham o mesmo perfil do seu público-alvo? Pode ser uma boa alternativa para analisar e traçar estratégias!

 

DICA 5: Informe-se sobre as diretrizes éticas da sua profissão

Antes de pensar em qualquer ação de marketing, informe-se com o seu conselho sobre a conduta que deve ser seguida nas estratégias de comunicação.

 

O que é e o que não é permitido, como você deve se comunicar, quais ferramentas disponíveis, etc.

 

Invista em ações de marketing com ética e responsabilidade, e garanta a credibilidade do seu serviço.

 

*Saiba mais sobre Marketing Ético  na Área da Saúde,

clique aqui, ou acesse http://www.thinksaude.com.br/marketing-etico-na-area-da-saude/

 

DICA 6: Invista na identidade visual da sua clínica ou consultório

A identidade visual é a padronização de elementos visuais que ajudam a caracterizar e diferenciar a sua clínica ou consultório dos demais concorrentes.

 

Ela é composta por uma série de elementos gráficos – o logotipo, as cores, os símbolos e a tipografia, que são desenvolvidos para expressar a qualidade do seu trabalho, o perfil do público que você deseja atingir, os valores que você acredita serem essenciais, etc.

 

É uma preocupação essencial para quem quer se destacar de forma profissional. Todos os materiais de comunicação criados pela empresa devem respeitar este padrão e estar em consonância com a identidade visual estabelecida.

 

DICA 7: Tenha um site profissional e bem formulado

Hoje em dia, com a alta concorrência no mundo físico e digital, ter um site bem formulado é fundamental. Ele funciona como um “cartão de visitas” do seu serviço na internet. É através do site que o seu futuro paciente pode ficar conhecendo sobre a sua clínica ou consultório, e fazer contato.

 

Por isso seu site deve conter todas as informações necessárias para o cliente: quais tratamentos, quais formas de pagamento, convênios, informações de contato, e-mail, telefone, etc.

 

*Mas atenção, é importante seguir as orientações de marketing ético na sua área da atuacão, investir em um bom design, que seja adaptável em todas as telas de dispositivos, e principalmente: manter os conteúdos atualizados!

 

DICA 8: Implemente ações de marketing online e offline

Com uma identidade visual e um site bem formulado, já é possível pensar em inúmeras ideias para divulgar a sua clínica ou consultório para futuros pacientes.

 

Você pode pensar em ações online, usando as redes sociais, e-mail marketing, WhatsApp, blogs, etc – ou em possibilidades offline, dentro e fora do seu consultório, usando materiais impressos como displays, flyers, panfletos ou campanhas de marketing direto, onde se fala diretamente com os seus clientes.

 

DICA 9: Crie um calendário com ações de marketing

Planeje as suas ações de comunicação mês a mês, faça um calendário de marketing. Aproveite os meses com datas comemorativas para presentear os seus pacientes e equipe com algum mimo, fazer uma publicação nas redes sociais ou enviar um e-mail comemorativo.

 

Nos meses sem datas comemorativas, ou que tem menos movimento, que tal ligar para os clientes mais assíduos para divulgar algum novo tratamento? Ou para aqueles que estão há algum tempo sem agendar uma consulta na clínica?

 

Planeje o seu trimestre, semestre, ano. Acompanhe a evolução, documente as ações. Repita as ações que deram certo, melhore as que deram errado. Pesquise ideias na internet, fale com outros profissionais. Faça ações diferenciadas!

 

DICA 10: Invista em Marketing Direto

Aproveite as informações do cadastro dos seus pacientes, e elabora estratégias de relacionamento.

Muito melhor do que conquistar novos clientes é mantê-los sempre por perto. Quando o seu paciente retorna com uma certa frequência, é um indicativo de qualidade, confiança, de que todo o trabalho realizado está gerando um resultado positivo. Este precisa ser o foco das clínicas e consultórios. E para isso existem maneiras simples e acessíveis de administrar.

 

Mantenha sempre atualizados os dados do cadastro dos seus pacientes (nome, e-mail, data de aniversário, telefone). Essas informações são preciosas e a partir delas é possível pensar em muitas estratégias de marketing direto. Você pode ligar, enviar e-mail e inclusive, se comunicar por WhatsApp.

 

DICA 11: Invista em Marketing Digital

 

A internet mudou a maneira de ter sucesso nos negócios, principalmente para a área da saúde. Confiar apenas nas estratégias de divulgação que que funcionavam no passado – cartão de visitas, folders, livros de convênios e planos de saúde, já não é mais suficiente.

 

O seu paciente está conectado. Está nas rede sociais durante horas do dia, procura informações do seu dia a dia no Google, envia mensagens diárias no WhatsApp, recebe e-mails, está no Instagram… E isso nos indica grandes oportunidades de relacionamento. Por isso não deixe de investir em comunicação digital.

 

Comece a divulgar conteúdos interessantes através de um blog, nas redes socias, e-mail marketing. Crie estratégias de marketing para serem implementadas via WhatsApp, acompanhe as novas mídias.

 

DICA 12: Use as redes sociais a seu favor!

Faça das redes sociais um aliado do seu consultório, a extensão da sua “voz”. Compartilhe conteúdos interessantes e de qualidade para os seus fãs e seguidores. Isso vai demonstrar autoridade na sua área de atuação e é muito positivo para qualquer profissão. Crie um relacionamento, tenha frequência, humanize a sua clínica ou consultório.

 

Quais as principais dúvidas e curiosidades dos seus pacientes? Pense sempre nos seus pacientes quando estiver escrevendo os seus posts. Compartilhe conteúdos que interessem os seus pacientes e público-alvo no ambiente “offline” e traga para o “online”.

 

paciente. Hoje é possível criar estratégias de comunicação fáceis e baratas de implementar usando Instagram, Snapchat ou o WhatsApp.

 

DICA 13: Facebook ADS: Invista em anúncios digitais

Se você já se perguntou porque sua página do Facebook tem um número alto de curtidores e um número tão baixo de “curtidas” na sua publicação, a resposta pode ser simples: você não está investindo em Facebook Ads.

 

Os anúncios no Facebook servem para aumentar o número de visualização do seu post. Sem este investimento, o algoritimo do Facebook entrega o seu post apenas para 4% da sua base de seguidores. Ou seja, se você tem poucos curtidores, a tendência é ter pouquíssimo engajamento.

 

Com os “Ads” você pode entregar o seu conteúdo para as pessoas certas, segmentando os anúncios por cidade, idade, ocupação, entre outros. Desta forma além de você alcançar as pessoas certas irá gerar engajamento, e quem sabe, trazer novos pacientes para a sua clínica.

 

E o melhor: esta estratégia tem custos acessíveis. Com um investimento mensal de R$100,00 você já consegue ter bons resultados.

 

DICA 14: Não esqueça de usar as novas redes sociais

 

A cada ano que passa, uma nova mídia social entra nas nossas vidas. E todas são grandes oportunidades para entrar em contato com o seu paciente.

 

Hoje é possível criar estratégias de comunicação fáceis e baratas de implementar usando Instagram, Snapchat ou o WhatsApp, por exemplo.

 

DICA 15: Faça campanhas de E-mail Marketing

 

  • Lembra quando falamos em “aproveitar os dados do cadastro do seu paciente”? Você orienta a sua secretária a pedir os e-mails dos pacientes quando eles vêm ao seu consultório? Lembre-se que essa simples informação pode gerar muitas oportunidades.
  • Com uma base de e-mails você pode enviar e-mails informativos, divulgar um novo tratamento, ou especialização, compartilhar uma curiosidade da sua área.
  • É forma de manter o seu paciente em contato direto com você.

 

DICA 16: Atendimento também é marketing

 

O modo como você atende os pacientes – e como você orienta a sua equipe a atendê-los, também fazem parte do marketing da sua clínica. Portanto, o seu atendimento deve ser excelente, desde o momento em que o paciente entra na sua sala de espera, até quando fala com a recepcionista e é atendido por você ou por outro membro da equipe.

 

De nada irá adiantar ter uma comunicacão impecável, se o paciente não for bem atendido no seu consultório.

 

Faça uma pesquisa de satisfação: os paciente estão satisfeitos? Quais os pontos a melhorar?

 

DICA 17: Treine e oriente a sua equipe!

 

É muito importante que todas as definições de marketing do consultório, objetivos, estratégias, etc, sejam do conhecimento de toda a equipe. Eles devem estar em constante treinamento e serem motivados para fazer com que os resultados esperados sejam possíveis.

 

Invista na capacitação dos profissionais que trabalham no seu consultório. Crie cartilhas informativas, conte sobre o seu serviço, explique como deve ser o contato com os clientes, como deve ser a vestimenta e comportamento dentro da clínica, etc.

 

Para poder cobrar um resultado, é necessário orientar e explicar. 😉

 

DICA 18: Invista na experiência do seu paciente

 

Pense nos diferenciais do seu consultório. O que faz os seus pacientes voltarem, se sentirem valorizados?

 

Invista na experiência do seu paciente dentro da sua clínica: ofereça mimos exclusivos para o seu paciente, torne o momento do seu paciente na sua mais agradável.

 

Tenha revistas atualizadas e em boas condições, poltronas confortáveis, ambiente limpo e organizado, músicas ambientes agradáveis, clipes informativos na tv, aromatização do ambiente, etc.

 

DICA 19: Marketing dentro do consultório

 

O seu consultório é o ambiente perfeito para você se comunicar com o seu paciente.

 

Lembrá-lo dos tratamentos que a sua clínica oferece, informar sobre um novo tratamento ou equipamento. Displays, folders, TV e mesmo a comunicação verbal sua ou da sua secretária pode gerar resultados.

 

Exemplo: você tem uma clínica odontológica e deseja aumentar o número de tratamentos de clareamento dental. Converse diretamente com o seu paciente, será que ele sabe deste serviço? De como funciona? Dos benefícios?

 

Crie este hábito com os seus tratamentos, diferenciais. Faça a sua “propaganda” dentro do seu consultório com apenas uma conversa. Oriente a sua equipe a fazer o mesmo.

 


 

É um prazer podermos compartilhar nosso conhecimento com vocês. Esperamos poder ajudá-los a conquistar mais e mais pacientes, e ficamos à disposição caso desejem saber mais sobre os nossos serviços.”

 

nicole@thinksaude.com.br

Sócia-fundadora da Think Saúde, Nicole Simonato é publicitária, designer e pesquisadora e atua com a coordenação e execução de projetos multidisciplinares relacionados à marketing, comunicação e design. Mestre em Design Estratégico pela Unisinos, possui pós-graduação em Marketing, especialização em Marketing para a Área da Saúde e graduação em Comunicação com ênfase em Marketing, ambos pela ESPM-Sul.

Comentar